Um bom título deve ser como uma manchete de jornal

Muitos cientistas aspiras dão pouca importância aos títulos dos projetos, trabalhos de conclusão de curso e artigos que escrevem. Tratam-nos como se fossem meras chatices burocráticas, perda de tempo. Afinal de contas, o que importa é apenas o texto em si, não é mesmo? Aqui neste post quero desfazer esse terrível engano e passar algumas dicas sobre como elaborar um bom título para, assim, aumentar as chances de o seu trabalho ser encontrado, lido e utilizado.

Continue lendo

Vale a pena escrever a minha tese no formato clássico de dissertação?

Esta é uma pergunta que muitos alunos me fazem e que já abordei en passant em outro post. Ela ainda gera polêmica, embora já esteja se chegando a um consenso sobre as vantagens de escrever teses* na forma de coletânea de artigos científicos. Aqui vou abordar essa questão do ponto de vista das ciências naturais.

Continue lendo

Por que fazer intercâmbio científico internacional?

Com base em uma palestra que dei ano passado no I Simpósio do PPG-Ecologia da UFMG, resolvi escrever sobre os intercâmbios internacionais para cientistas. Vou tomar como ponto de partida uma pergunta que me fizeram alguns anos atrás: por que preciso ir para fora, se a ciência é uma cultura internacional e, portanto, teoricamente o que se faz lá também se faz aqui?

Continue lendo

Pare de mimimi e vá à luta!

Forças malignas sempre te impedem de cumprir prazos? Entrar no mestrado está sendo mais difícil do que você pensava? O revisor bobo falou mal do seu manuscrito maravilhoso? Seus problemas não acabaram! Mas para começar a solucioná-los é preciso escapar do “vórtice do mimimi”.

Continue lendo