Quer ser cientista? Então aprenda inglês!

Já ficou frustrado por não conseguir ler um paper fundamental para o seu projeto? Já se sentiu um mala por ter que ficar sempre pedindo para colegas traduzirem os seus manuscritos? Já passou vergonha dando palestra em um congresso internacional por falar um inglês macarrônico? Então não choramingue, mas vá à luta! Nunca é tarde demais para aprender inglês ou outros idiomas. Aqui vou contar minha experiência pessoal, responder as perguntas mais frequentes que me fazem e dar algumas dicas práticas.

Continuar lendo

Pacotão de conselhos para congressos científicos

Considerando a enorme quantidade de eventos interessantes marcados para este ano nas áreas de Ecologia, Evolução, Zoologia, Biologia Tropical e Sistemas Complexos, resolvi fazer uma compilação de posts com dicas para congressos.

Continuar lendo

O que é um professor universitário?

No Brasil, é comum ouvir bizarrices como “O Prof. Fulano reclama de dar aulas demais, mas o cargo dele é de professor, né?”. Ou seja, há muita confusão sobre quais seriam as reais atribuições de um professor universitário. Como esse é o cargo mais importante na carreira acadêmica, vale a pena dedicar um post inteiro a esclarecer essa questão.

Continuar lendo

Fundação Alexander von Humboldt: Oportunidades de pesquisa na Alemanha

Marco:

Um excelente post de um colega humboldtiano, explicando várias questões relacionadas a fazer postdoc ou sabático na Alemanha pela Alexander von Humboldt Stiftung.

Publicado originalmente em Ciência Prática:

Através de um comentário de Marco Mello, autor do blog “Sobrevivendo na Ciência“, no artigo “Dicas para pós-graduação na Alemanha“, tomei conhecimento das oportunidades de pesquisa na Alemanha oferecidas pela Fundação Alexander von Humboldt. Decidi submeter uma aplicação e hoje sou Fellow da Fundação. Gostaria, portanto, de compartilhar minhas informações e experiências sobre essa oportunidade de pesquisa na Alemanha.

A Fundação Alexander von Humboldt oferece vários programas de bolsas (fellowships) e auxílios de pesquisa (awards) para pesquisadores destacados de todas as disciplinas que queiram fazer pesquisa e estabelecer colaboração com grupos na Alemanha. (Uma lista completa dos tipos de auxílio pode ser encontrada neste link.) De acordo com as estatísticas da Fundação, em 2013 foram concedidos 759 bolsas e auxílios (confira as estatísticas aqui).

Como encontrar a oportunidade correta

No site principal da Fundação, sob o título “Sponsorship”, o candidato encontra facilmente as…

Ver original 898 mais palavras

A ciência básica é a base!

Inspirado por um artigo que saiu esta semana, resolvi fazer aqui uma defesa da ciência básica. Virou moda hoje em dia dizer que “toda pesquisa deve ter uma aplicação, senão é desperdício de dinheiro público”. Essa é uma enorme bobagem e eu vou mostrar porquê.

Continuar lendo